quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

                               

                                                       
     
                                      Vida cigana


 A Bandeira Cigana, nas cores azul, verde e vermelho, foi aprovada em 1971 em
Londres, Inglaterra, no Primeiro Congresso Mundial Cigano e passou a ser o
símbolo internacional de todos os ciganos.                      
O azul representa o céu sobre nossas cabeças e os valores espirituais.
O verde representa a natureza, a terra, o orgânico, o crescimento, e as
matas pelas quais muitos caminhos foram abertos pelos ciganos.
A roda vermelha no centro da bandeira representa a Roda Indiana (samsara*).
A roda da bandeira cigana semelhante a roda do vurdón*, tem 16 aros e
significa a evolução do consciente com os mundos superiores.

Samsara
(sânscrito) - Literalmente significa "viajando". O ciclo de existências, uma
sucessão de renascimentos que um ser segue através de vários modos de
existências até que alcance da liberação.                      
 Os ciganos vivem pela natureza,amam o céu e as estrelas e viverem em casas os deixam muito triste                      
 Hoje em dia muitos já tem sua casa própria,outros fazem tipo um galpão, sem paredes para não se sentirem tão sufocados ,antigamente eles viajavam mais e acampavam mais,só que agora os prefeitos das cidades não estão mais aceitando muito isso.                  
 Alguns ciganos estão comprando terrenos e construindo casas,se fixando em algum lugar,outros compram e deixam lá,para que possam acampar,e compram em várias cidades para poderem acampar.                      
 Mas não são egoístas,por exemplo,eu compro um lote numa cidade, se precisar de uma família cigana  acampar lá ,eles deixam,eles nesse ponto são muito unidos                      
 Eles gostam da liberdade e de se sentir livres,mas na real,quem é livre realmente?                      
 Há vários grupos de ciganos,não só aqueles que vces veêm na rua lendo a sorte,                      
 tem os mais rico,os que aceitam casamentos com  gadjos (,que são os não ciganos)                      
 tem os que não aceitam a mistura,pois querem preservar a cultura,mas no mundo de hoje,é bem complicado.                    
 vamos fechar por hoje mostrando e separando esses grupos,temos que começar do início certo?                      
Os ciganos dividem-se em quatro  grandes grupos:
 Kalon – que fixou residência em Portugal e na Espanha.
 Moldavano – que fixou residência na Rússia.
 Kalderash – que fixou residência em solo turco e Matchuya – que hoje habita a Romênia e a antiga Yugoslávia.
 Os ciganos se dividem em grupos: Rom, Manouche ou Sinti, Kalons. O Rom se divide num subgrupo que são: os Kalderash, Lovara, Tchurara. O Manouche ou Sinti (Sinti-franceses, Sinti-alemães Sinti-italianos, Sinti prussianos da Prússia) falam o dialeto Sintó, Os Kalon ou catalães e Andaluzes falam a língua Kaló. Os Rom-Lovara são tratadores de cavalos, comerciantes de tapetes, sedas e veículos motorizados. Os Rom-Tchurara são guerreiros. Os Rom-Kalderash são artesãos de metais.
           
    vocês notam que até entre eles a língua muda                      
               
 Eu sou cigana de alma....Como assim???                      
 eu não nasci cigana,não tenho sangue cigano,mas me consideram uma cigana,me aceitam como tal,e  eu me aceito assim,pois me sinto assim.🙏🏼                      
   

Nenhum comentário:

Postar um comentário